top of page
  • Foto do escritorGeovanne Solamini

Manuela Dias lança o seu mais novo livro 'O Diário de Dona Lurdes' em São Paulo; saiba detalhes

O livro é um spin-off da sua primeira novela das nove e narra a trajetória de Lurdes após conseguir reunir a família, mas tem que lidar com a saída dos filhos de sua casa

Imagen: Victor Pollak/Globo

Já se perguntou o que acontece com um personagem logo após o final da novela? A Manuela Dias também e, por isso, resolveu responder a esse questionamento que sempre paira o imaginário do público noveleiro ao escrever o livro ‘O Diário da Dona Lurdes’, que narra a história de Lurdes (Regina Casé) após o término de ‘Amor de Mãe’ (2019).


Na última quinta-feira (1), após um evento que contou com a autora e a sua criação para um bate-papo com o público e imprensa no Rio de Janeiro, ela promoveu uma sessão de autógrafos em São Paulo, que também foi recebida por amigos na capital paulista.


O evento reuniu artistas com os atores Arieta Corrêa e Rodrigo Veronese, além do cantor Samuel Rosa e da escritora, roteirista Tati Bernardi – e claro que este que vos escreve não perdeu a oportunidade de prestigiá-la.


Com muita simpatia, Manuela Dias me recebeu para uma breve conversa enquanto autografava o meu exemplar do diário da personagem que conquistou o Brasil.



Continuação diferente

Imagem: Reprodução/Globo

Considerada uma das personagens de novela mais memoráveis nos últimos anos – se consideramos o possível enfraquecimento das tramas do horário nobre e também a paralisação causada pela pandemia de Covid-19, Dona Lurdes conquistou o público ao ser um retratado de uma típica figura materna brasileira.


Diferente de outros personagens que já tiveram suas histórias contadas em filmes após suas novelas de origem, como Giovanni Improtta (José Wilker), de Senhora do Destino (2004) e Crô (Marcelo Serrado), de Fina Estampa (2011), ainda que sem amarras e de forma independente, essa é uma nova proposta pela autora.


Em ‘O Diário da Dona Lurdes’, os fãs podem matar a saudade da personagem através de uma história narrada em primeira pessoa, por meio de um diário que começa a se escrito um ano após o término da novela – quando Lurdes finalmente reencontra Domênico (Chay Suede) e Thelma (Adriana Esteves) morre.


Ela, então, consegue reunir toda a família, mas tem que lidar com os novos rumos que Érika (Nanda Costa), Ryan (Thiago Martins), Camila (Jéssica Ellen) e Magno (Juliano Cazarré) tomam já fora de baixo de suas asas.


Síndrome do Ninho Vazio


É a partir desse momento que a obra se inicia. Lurdes, após assistir um episódio do Mais Você, onde uma psicóloga dá dicas de como aliviar os sentimentos, decide então iniciar um diário que narra o seu processo de enfrentamento à síndrome do ninho vazio.


Nele, ela confidencia todos os seus sentimentos, bem como a sua nova rotina agora longe dos seus dali em diante. A experiência é de ler um verdadeiro diário, bem como o famoso escrito por Helena (Regina Duarte) em Por Amor (1997).


O livro foi elaborado sem nenhum contato com Regina Casé, que só soube do projeto no momento em que foi convidada para escrever o prefácio, onde ela agradece à autora pela oportunidade de revisitar e reviver a personagem.


A princípio, não vou dar mais detalhes do livro, mas, certamente, você verá a minha resenha em breve aqui no blog. Aguardem!



Comments


bottom of page